Roubo e vandalismo provocam prejuízo de R$ 4 milhões por ano

27/10/2011 - O prejuízo causado pela destruição de equipamentos públicos como praças e monumentos e iluminação pública custa cerca de R$ 4 milhões por ano aos cofres do Município de Salvador. De acordo com o secretário municipal de Serviços Públicos (Sesp), Marcelo Abreu, o setor mais afetado pela ação dos vândalos é o de iluminação pública, que tem um prejuízo anual em torno de R$ 3 milhões com o furto de cabos e outros equipamentos utilizados no fornecimento de energia. Coordenador de iluminação pública da Sesp, Raimundo Dias explica que a manutenção das redes de subestação são de responsabilidade da Prefeitura, enquanto a reposição de cabos e transformadores da rede aérea fica a cargo da Coelba. Leia mais em A Tarde.