Explosão em empresa de gás deixa um morto e feridos em São Francisco do Conde

Equipes dos bombeiros controlaram a situação na empresa de envase e revenda de gás, em São Francisco do Conde, região metropolitana de Salvador após cerca de cinco horas. O local sofreu uma explosão seguida de incêndio na manhã desta sexta-feira (14).

Uma pessoa morreu e outras quatro ficaram feridas, que foram levadas para unidades de saúde por equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Ainda não há detalhes sobre o estado de saúde dos feridos. Todas as vítimas trabalhavam no local.

De acordo com o major Allan Guanais, comandante do 14ºGrupamento do Corpo de Bombeiros, a operação foi minuciosa. Segundo ele, quando as equipes chegaram no local, foi verificado que ainda existiam cerca de 200 botijões com vazamento de pouca quantidade de GLP. Brigadistas da empresa também auxiliaram no controle da situação.

O Departamento de Polícia Técnica (DPT) esteve no local para a retirada do corpo da vítima fatal, assim como para a realização de perícia para que seja constatada a causa do acidente.

Explosão

A explosão ocorreu em uma empresa de gás liquefeito de petróleo (GLP). De acordo com os bombeiros, a explosão aconteceu na localidade de Mataripe, onde ficam refinarias na RMS. O caso aconteceu na Brasilgás/Ultragaz.

Os nomes das vítimas não foram divulgados. Os bombeiros detalharam que um incêndio foi provocado pela explosão e as chamas foram contidas.

Os bombeiros informaram também que ainda houve vazamento de gás na empresa. Segundo funcionários no local, a situação aconteceu no setor de requalificação dos botijões, onde são retiradas as válvulas do equipamentos e eles são lavados para serem reutilizados.

Equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e da Polícia Militar estiveram no local para prestar atendimento.

Em nota, a Brasilgás informou que os esforços neste momento estão em prestar todo o apoio e solidariedade às vítimas e os familiares. Ainda segundo a empresa, o acidente foi comunicado às autoridades competentes e a companhia está disponibilizando o apoio das equipes para a averiguação das causas juntamente com órgãos competentes.

A empresa também informou que o evento gerado pelo incidente foi contido, e o Corpo de Bombeiros acompanhou todas as providências.

Fonte: G1