Santo Amaro celebra os 104 anos de D. Canô

16/09/2011 - Uma militante das causas da cidade de Santo Amaro da Purificação, a 71 km de Salvador. Mãe que lutou pela felicidade dos filhos, não desistiu do direito de crescer e poder envelhecer em um sobrado do município de não mais de 80 mil habitantes, mesmo aos 104 anos. Esta é Claudionor Viana Telles Velloso, a dona Canô. Mulher forte, de olhar sereno, que, às vésperas de completar um século e quatro anos de vida, comemorados nesta sexta-feira, 16, ainda tem força para reclamar ao A TARDE, ontem, da poluição do Rio Subaé, que corta a sua cidade natal. A mãe de dois dos mais importantes representantes da música brasileira, Caetano Veloso e Maria Bethânia, não se diz vaidosa, mas não abre mão dos seus brincos e medalhinhas de santos. A aparência serena não conflita com o discurso de jovem ideologicamente resignada, o que justifica a popularidade. “Lutei por este Rio Subaé. Continua poluído!”, reclamou. Leia mais em A Tarde.

Atenção: os artigos deste portal não são de nossa autoria e responsabilidade.
Nós não produzimos e nem escrevemos esse artigo qual você esta lendo.

Entenda: nosso site utiliza uma tecnologia de indexação, assim como o 'Google News', incorporando de forma automática as notícias de Jacobina e Região.
Nossa proposta é preservar a história de Jacobina através da preservação dos artigos/relatos/histórias produzidas na internet. Também utilizamos a nossa plataforma para combater a desinformação nas redes (FakeNews).

Confira a postagem original deste artigo em: http://www.jacobinanews.com/

Em conformidade com às disposições da Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (Lei nº 13.709/2018) e às demais normas vigentes aplicáveis, respeitando os princípios legais, nosso site não armazena dados pessoais, somente utilizamos cookies para fornecer uma melhor experiência de navegação.