Brasil abriga até 43% da corrupção

20/7/2011 0h15 - O Brasil responde por 26% a 46% de todo o dinheiro movimentado pela corrupção no mundo. O índice é fruto de dados da organização Transparência Internacional projetados pela Federação das Indústria do Estado de São Paulo (Fiesp).

Enquanto as perdas médias globais anuais com o problema giraram em torno de R$1 60 bilhões nos últimos anos, o prejuízo nacional pode ter chegado a R$ 70 bilhões por ano.

Casos para exemplificar as estatísticas não faltam. O escândalo do Ministério dos Transportes é o mais recente. Suspeita-se que foram desviados R$ 4,5 bilhões por meio de aditivos em contratos referentes a 46 obras de ferrovias, entre março de 2010 e junho de 2011. Mesmo assim, esses números só entram nas projeções da Fiesp nos próximos relatórios.

O estudo atual mostra dados até 2008, com R$ 41,5 bilhões desviados. No mundo, entre 1990 e 2005, estima-se que foram desviados aproximadamente U$ 300 bilhões (em torno de R$ 472,5 bilhões), quantia que deve ter dobrado nos últimos seis anos, segundo o Relatório Global da Corrupção, da Transparência Internacional. Yahoo