Ibititá II – Prefeitura promove VII Encontro de Mulheres

SONY DSC

Com o tema “A natureza feminina é complexa e rica, é mãe natureza, é mulher fortaleza, a Prefeitura de Ibititá realizou no final da tarde de sábado (10), o VII Encontro da Mulher do município. Além de Maria Gilaide Gomes dos Santos, vice-prefeita, mais seis mulheres ocupam secretárias, ou seja, Eloísa Nery Rocha, secretaria de Ação Social, Nerivania Matos, Educação, Elisângela Romão de Souza Brandão, Saúde, Adriana Marques Dourado, Cultura e Ivandira Rodrigues da Silva, a secretaria da Mulher e da Igualdade Racial.

Segundo o prefeito Francisco Moitinho Dourado Primo (DEM), idealizador dos encontros, quando era secretário municipal, ao vencer as eleições para seu primeiro mandato em 2004 ele ocupou as secretarias das áreas sociais com mulheres, por necessitar de mais sensibilidade com a solução dos assuntos que dizem respeito a elas. Preocupado com a seca que assola o município, o prefeito durante seu pronunciamento informou às mulheres que já decretou estado de emergência para conseguir os benefícios importantes para amenizar o sofrimento das famílias, em especial das mulheres que residem na zona rural e como resultado estará chegando à cidade uma carreta de feijão e outra de suco que vão atender inicialmente 1.800 famílias cadastradas na ação social.

Outro ponto focado na fala do prefeito foi à presença do ex-deputado Emèrio Resedá (PDT), que, segundo Dr. Chiquinho, como é conhecido o chefe do executivo, deixou o mandato parlamentar, mas não perdeu a amizade da comunidade.

“Meu deputado, meu amigo”, assim iniciou o “show” da primeira-dama Eloísa Nery Rocha Moitinho Dourado. Natural do estado de Sergipe, Eloisa expressou seu amor por Ibititá e disse que ali moram e trabalham mulheres guerreiras, trabalhadoras e que contribuem com o desenvolvimento do município.

[caption id="attachment_40479" align="alignright" width="286" caption="A primeira dama disse que é sempre muito bom um evento com Emério, que sempre que cita seu nome receb muito aplauso"][/caption]

A professora Nerivania Matos, secretária de educação falou sobre o papel da mulher na sociedade e também lembrou os trabalhos realizados por Emério ao longo dos cinco mandatos. “Ele é o nosso deputado eterno”, finalizou.

Durante o evento foi distribuído cartilhas de utilidade pública com detalhes da Lei Maria da Penha, um projeto, transformado na lei 11.340, de 07 de agosto de 2006, que cria mecanismo para coibir a violência doméstica e familiar contra a mulher. “Deus confiou à mulher o dom da procriação, da multiplicação humana, guerreira, sempre com ternura, amor ao próximo, digna de respeito e admiração, por isso tem um dia de homenagens. Mas para mim, todos os dias são os dias das mulheres”, falou o ex-deputado Emério Resedá.

Resedá destacou a importância do trabalho da primeira-dama Eloísa Moitinho e disse que sempre que é chamado, comparece a Ibititá, que considera sua segunda terra e na oportunidade fez a leitura de uma mensagem do deputado Estadual, que o chamou de filho, Wellington Passos  de Araújo (DEM), “Tom”, sobre o dia das mulheres.

[caption id="attachment_40478" align="aligncenter" width="550" caption="Emério disse que não mede os 400 km de distância de Coité para Ibititá para atender a um convite do prefeito Chiquinho e de sua esposa Eloísia"][/caption]

”Saiu muito feliz, mais uma vez de Ibititá, pelo carinho que recebo desta gente. Aqui, eu conheço a todos e o tenho como pessoas da minha família. Sei dos seus problemas, trabalhei como deputado para que o município se desenvolvesse e mesmo sem mandato, estou rente em qualquer situação”, falou o ex-parlamentar.

Coube a vice-prefeita Maria Gilaide contar a história do dia 8 de março, consagrado internacionalmente as mulheres.  Em 1857, operárias de uma fábrica de tecidos, situada na cidade norte americana de Nova Iorque, fizeram uma grande greve e ocuparam uma fábrica e começaram a reivindicar melhores condições de trabalho, tais como, redução na carga diária de trabalho para dez horas, trabalhavam 16 horas de trabalho diário, equiparação de salários com os homens, pois chegavam a receber até um terço do salário de um homem, para executar o mesmo tipo de trabalho e tratamento digno dentro do ambiente de trabalho.

A manifestação foi reprimida com total violência. As mulheres foram trancadas dentro da fábrica, que foi incendiada. Aproximadamente 130 tecelãs morreram carbonizadas, num ato totalmente desumano. “Em 1910, durante uma conferência na Dinamarca, ficou decidido que o oito de março passaria a ser o "Dia Internacional da Mulher", em homenagem as mulheres que morreram na fábrica em 1857. Mas somente no ano de 1975, através de um decreto, a data foi oficializada pela Organização das Nações Unidas, (ONU)”, lembrou Gilaide.

Ao ser criada esta data, não se pretendia apenas comemorar e sim discutir o papel da mulher na sociedade atual. Em Ibititá, houve palestra sobre empreendedorismo pelo SEBRAE, show musical e apresentação do CRAS.

Um dos momentos mais emocionantes do evento foi quando a Senhora Ivone Dourado, mãe do Prefeito Chiquinho, lhe prestou uma homenagem e agradeceu ao apoio que ele tem recebido das mulheres do município e o esforço para que todas elas possam com suas familiares viverem melhor.

Por: Valdemí de Assis / fotos: Raimundo Mascarenhas

 

Atenção: os artigos deste portal não são de nossa autoria e responsabilidade.
Nós não produzimos e nem escrevemos esse artigo qual você esta lendo.

Entenda: nosso site utiliza uma tecnologia de indexação, assim como o 'Google News', incorporando de forma automática as notícias de Jacobina e Região.
Nossa proposta é preservar a história de Jacobina através da preservação dos artigos/relatos/histórias produzidas na internet. Também utilizamos a nossa plataforma para combater a desinformação nas redes (FakeNews).

Confira a postagem original deste artigo em: http://www.calilanoticias.com

Em conformidade com às disposições da Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (Lei nº 13.709/2018) e às demais normas vigentes aplicáveis, respeitando os princípios legais, nosso site não armazena dados pessoais, somente utilizamos cookies para fornecer uma melhor experiência de navegação.