Para melhorar o humor, invista na alimentação

Um estudo científico intitulado ‘Uma exploração das propriedades aversivas da 2-desoxi-D-glicose em ratos’ analisa aquelas pessoas que, com fome, transformam-se em pessoas com um péssimo humor. A fome influencia o humor e não apenas quando não come, mas principalmente quando come mal. O problema, aponta decorre dos níveis de glucose: “A hipoglicemia (baixos níveis de açúcar no sangue,) é um forte desencadeador de estresse a nível fisiológico e psicológico”, diz o psicólogo Francesco Leri. A hipoglicemia geralmente ocorre em dietas pobres em nutrientes, desequilibradas e sem variedade. A confirmação de que a hipoglicemia e o mau humor se relacionam permite assim justificar a relação entre depressão e doenças como diabetes, mas também distúrbios alimentares como obesidade, bulimia ou anorexia, problemas que são de difícil tratamento, por serem muito específicos. Acredita-se que a nutrição possa também ter um papel fundamental no seu tratamento. Além disso, vale a pena a prevenção já que a felicidade influencia a preferência por hábitos alimentares mais saudáveis, o que acaba por ser um (bom) ciclo vicioso. Por outro lado, uma alimentação pouco equilibrada pode também tornar-se um ciclo vicioso, já que leva a uma quebra no humor que por sua vez diminui o apetite e vontade de explorar o universo da alimentação saudável. (Notícias ao Minuto)