Paula minimiza guerra na Síria em conversa com Kaysar no ‘BBB’: ‘É igual ao Brasil’

Na reta final do “Big Brother Brasil” um tema chamou atenção na noite desta sexta-feira (13). Enquanto disputavam a prova de imunidade, que já é mais longa da história da atração, Ana Clara e Gleici fizeram algumas perguntar para Kaysar sobre a Síria. 
Em determinado momento, o brother achou melhor não comentar sobre a política de seu país, no que diz respeito à liberdade, e foi incompreendido por Paula. “Eu não consigo me aprofundar porque a minha família está ali. Aqui no Brasil vou machucar a minha família que está lá se eu falo uma coisa. É guerra interna, externa. As pessoas estão lutando contra o governo. Eu sei, mas não gosto de aprofundar, a gente tem medo”, lembrou. A empresária, então, discordou: “Se todo mundo tiver o seu medo, vocês vão ficar presos o resto da vida. 
Como é que faz? O governo faz o que quer? A população tem que reagir, vocês têm que reagir de alguma forma, senão o governo sempre vai mandar e a população vai se ferrar”, opinou. Ana Clara lembrou que a situação era difícil e entendia o motivo do silêncio. A ex-jogadora de vôlei concordou, mas continuou expondo sua visão. “É a massa da população achar o objetivo comum. Alguma coisa tem que ser feita, senão você vai sempre se expor ao que o outro quer. 
É igual ao Brasil, só que de outra situação, de outro problema. Claro que é uma luta de anos, séculos, mas se a população não começar a se unir, nada vai acontecer. Não adianta ficar parado. A gente não pode aceitar só porque tem medo”, finalizou.
Fonte: BN