Stan Lee é acusado por enfermeiras de abuso sexual

O ex-presidente da Marvel, Stan Lee, é mais uma das celebridades acusadas de assédio sexual. Enfermeiras que trabalhavam na casa do diretor, em Los Angeles, afirmam que o mesmo tinha costume de andar nu pela residência, tocava nelas com frequência e chegou a pedir para receber sexo oral das funcionárias. O jornal “Daily Mail” divulgou essas informações nesta terça-feira (9), e informou que os advogados de Lee negaram as acusações e ainda alegaram que o jornal difamou o produtor, entrando assim com uma ação contra a empresa. “O sr. Lee não será extorquido nem chantageado, e não vai pagar qualquer dinheiro a ninguém porque não fez absolutamente nada de errado”, afirma um dos advogados. A polícia ainda não registrou queixas contra as ações de Stan Lee e a empresa de enfermeiras afirma já ter encerrado os trabalhos na casa do ator após a quantidade de reclamações. (BN)