Prefeitura congela tarifa de ônibus até nova licitação do setor

06/01/2012 - O secretário municipal de Transporte e Infraestrutura de Salvador (Setin), José Mattos, anunciou oficialmente nesta quinta, 05, que não haverá aumento de tarifa no sistema de transporte público da capital neste ano até que o processo de licitação para exploração do serviço pelo setor privado ocorra, tal exigido por lei. Mas para levar a frente a licitação, o governo municipal terá que honrar com uma dívida de pelo menos R$ 400 milhões junto às 19 concessionárias que exploram o serviço na capital há 16 anos. O débito decorreria da diferença entre as tarifas calculadas pelo setor para operar o sistema de transporte e aquela firmada pela prefeitura. O superintendente do Sindicato das Empresas de Transporte de Salvador (Setps), Horácio Brasil, informou que os empresários não veem problemas na licitação, desde que o município honre com o “crédito financeiro” assegurado por setença transitada em julgado em 2007, concedida pela juíza Maria Martha Góes, da 4ª Vara da Fazenda Pública de Salvador. Caso contrário, afirmou Horácio, o sindicato deve pedir a impugnação da licitação. Leia mais em A Tarde.