Adolescente de 14 anos deixa de ir à escola por falta de transporte e morre ao cair de cavalo em Ibirapuã

Um adolescente de 14 anos morreu depois de cair de um cavalo, na zona rural da cidade de Ibirapuã, no sul da Bahia. Por falta de transporte, a vítima não conseguiu ir para a escola onde estudava e ficou em casa, ajudando nos cuidados de uma plantação. Ele subiu em um cavalo para conduzir alguns bezerros, e caiu enquanto cavalgava, segundo a polícia. O adolescente foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levado para um hospital da região, mas morreu antes de chegar na unidade. Testemunhas contam que, momentos antes de morrer, o garoto teria pedido ao pai para dizer à mãe que a amava. A polícia ainda não conseguiu confirmar a informação com familiares do garoto. Um inquérito foi instaurado para apurar as causas da queda que levou à morte de Diego. O corpo dele foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Teixeira de Freitas. O caso aconteceu na manhã de segunda-feira (25).
A Secretaria Municipal de Educação de Ibirapuã publicou nota de pesar nas redes sociais, pelo falecimento do garoto. Confira publicação na íntegra:

"A dor da perda e da saudade é intensa, chega ser física, mas, Deus que é a própria personificação do AMOR traz cura e libertação. A Secretaria Municipal de Educação, com muito pesar, informa o falecimento de Diego Dutra, aluno do Colégio Municipal Souza Mendes. Externa um profundo sentimento de pesar e de solidariedade aos amigos e familiares. Que Deus o receba em tua Glória e com tua infinita misericórdia acalante a família com teu Amor de Pai". (G1)