Bahia perde para o Santos com gol de pênalti no fim

O Bahia recebeu o Santos no Estádio Roberto Santos mas conhecido por Pituaçu na noite deste sábado, 13, em jogo válido pela 10ª rodada do Brasileirão e acabou derrotado por 1 a 0. O gol do Peixe foi marcado por Carlos Sánchez aos 41 minutos do segundo tempo numa cobrança de penalti. O jogador até perdeu a cobrança depois de chutar no canto direito o goleiro Douglas fez a defesa, mas espalmou pra frente e o voltou para os pés de Sánchez que mandou para o fundo.

O jogo

A defesa foi a tônica de um primeiro tempo marcado pelo perfil estrategista de Jorge Sampaoli e Roger Machado. Na maior parte da primeira etapa, o que se viu foram dois times bem armados, que recompunham suas defesas com facilidade, mas tinham dificuldade para furar o bloqueio adversário – tanto que mal se ouviu falar de Fernandão e Uribe, que seriam, em tese, os jogadores mais agudos em campo.

As chances de gol só começaram a surgir por volta dos 30 minutos. Arthur Caíke chegou com perigo duas vezes, mas foi desarmado pela zaga santista. Victor Ferraz e Sánchez chegaram perto, mas não conseguiram abrir placar para o Santos.

Segundo tempo

A segunda etapa empolgou mais o torcedor do que os 45 minutos iniciais. Bahia e Santos voltaram a campo com ímpeto para compensar a falta de chances do primeiro tempo. Inicialmente, rolou um “toma lá, dá cá”, em que o equilíbrio foi marcante: pelo Tricolor baiano, Artur embolou os marcadores com sua agilidade; pelo Peixe, Soteldo deu trabalho a Ezequiel. E foi justamente em uma das vezes em que o atacante venezuelano se livrou da marcação que o Santos teve sua maior chance. Ele cruzou na cabeça de Sasha, que cabeceou à queima-roupa para uma bela defesa de Douglas aos 22. Aos 24 Lucas Veríssimo aproveitou cruzamento de Jean Mota e cabeceia na trave. O gol da partida veio aos 41, quando Sánchez foi derrubado na área por Guerra. O uruguaio cobrou; Douglas fez a defesa, mas viu Sánchez aproveitar o rebote para decretar o triunfo santista.

Olho na tabela

O Bahia dorme na 10ª posição, com 14 pontos. Já o Santos diminuiu a distância para o Palmeiras: tem 23 pontos e segue na vice-liderança. Mas a classificação deve mudar, já que ainda há seis jogos da rodada marcados para domingo e segunda-feira.

CN * Globo Esporte