Prefeito é morto por vereador durante briga por causa de cerca em Minas Gerais

O prefeito da cidade de Naque/MG, do Vale do Aço mineiro, Hélio Pinto de Carvalho (PSDB), foi morto com seis tiros neste sábado (13). De acordo com a Polícia Militar, o principal suspeito do crime é um vereador da cidade, Marcos Alves de Lima (PSDC), e a causa da briga que motivou o assassinato teria sido uma cerca.

Segundo a Polícia Militar, Hélio e Marcos começaram uma discussão após o vereador tentar expandir a área de seu lote. O terreno vizinho pertencia a Prefeitura Municipal e, por isso, Hélio da Fazendinha, como era conhecido, foi tirar satisfações. A situação então piorou e se transformou numa briga, onde o prefeito usou um chicote para agredir o vereador.

Marcos, após ser agredido, sacou um revólver e deu seis tiros no prefeito, o baleando no tórax e nas pernas. Hélio chegou a ser socorrido e levado ao Hospital Márcio Cunha, mas não sobreviveu.

O vereador, por sua vez, foi preso em Governador Valadares, tentando fugir. Em vídeo, Marquinhos, como era conhecido, afirma que atirou em legítima defesa, após ser agredido. 

Segundo Marquinhos, os dois homens já tinham um desentendimento anterior, por motivações políticas.

Naque é uma pequena cidade do Vale do Aço que, segundo o censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2018, possui 6,9 mil habitantes.
Fonte: Itambé Agora