Menor intervalo entre gestações aumenta risco de parto prematuro


Um estudo desenvolvido por pesquisadores da Universidade da Colúmbia Britânica, no Canadá, mostrou que um pequeno intervalo de tempo entre gestações aumenta o risco de um parto prematuro da segunda criança. Após avaliação de cerca de 150 mil gestantes, segundo a revista Super Interessante, a equipe concluiu que o intervalo mínimo seguro entre partos e de 12 a 18 meses.

A pesquisa analisou mulheres grávidas com diferentes faixas etárias, com o objetivo de obter um resultado amplo. Entre aquelas com idade de 20 a 34 anos, o risco de prematuridade na segunda gestação foi de 8,5% para intervalos menores que o recomendado e de 3,7% para gestações mais distantes entre si.

As gestantes com 35 anos ou mais apresentaram 6% de risco de parto prematuro na segunda gravidez, taxa menor do que a registrada entre as mais jovens. No entanto, há um agravante entre elas. O risco de morte ou complicações sérias no parto chega a 1,2%, se a distância entre as gestações for menor que 12 meses. As mulheres que aguardam 18 meses para ter outro filho têm o risco reduzido para 0,5%. BN