Justiça determina prisão de PM que atirou em motorista de ônibus em Salvador


A Justiça determinou a prisão preventiva do soldado da PM que atirou contra um motorista de ônibus em serviço no bairro de Ondina, em Salvador. A informação foi divulgada ao G1 pela corregedoria da Polícia Militar nesta segunda-feira (4).

Com a decisão, o soldado irá continuar preso na Coordenação de Custodia Provisória (CCP) da capital, no Complexo Penitenciário da Mata Escura.

Além da decisão da Justiça, a corregedoria da PM disse que vai instaurar um Processo Administrativo Disciplinar (PAD) para apurar o envolvimento do policial militar, que está sendo acusado de tentativa de homicídio.

Ele está na unidade penal da Mata Escura desde o sábado (2), um dia após o crime

G1