Policiais prendem maior traficante de armas do Brasil; homem morava em Miami


O homem considerado como o maior traficante de armas do Brasil foi preso na noite desta sexta-feira (23) em Miami, nos Estados Unidos. O carioca Frederik Barbieri é apontado como responsável pelo carregamento de 60 fuzis apreendido ano passado no aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro, em maio do ano passado.

As armas estavam escondidas em uma carga de aquecedores de piscina. A apreensão foi considerada a maior da história do Aeroporto Internacional do Rio. Segundo a TV Globo, Frederik estava em casa e foi detido por agentes do Serviço de Imigração e Alfândegas dos Estados Unidos (ICE). Com a prisão dele, a polícia americana conseguiu barrar o envio de 40 fuzis para o Brasil. Ainda segundo a emissora, o traficante tinha dois mandados de prisão contra ele no Brasil. 

A prisão de Barbieri ocorreu após troca intensa de informações entre agentes das Delegacia Especializada em Armas, Munições e Explosivos (Desarme) e da Delegacia de Roubos e Furtos de Cargas. Ainda segundo a Polícia, Barbieri entrou para o crime há cerca de 20 anos, negociando armas na Região Metropolitana. Depois de conseguir o green card, foi morar na Flórida com a família.

Informações da TV Globo